A elasticidade é uma medida para determinar o quanto a mudança percentual em uma variável afeta outra. Por exemplo: o quanto um aumento no preço afeta a demanda. Assim, a elasticidade do preço da demanda é responsável por medir a reação dos consumidores às mudanças no preço de um bem.

Como calcular

Matematicamente falando, a elasticidade nos diz que porcentagem da redução (ou aumento) da demanda é para um aumento de 1% no preço, mantendo constantes todas as outras variáveis.

O cálculo da elasticidade do preço segue a representação matemática:

Price elasticity is equal to the percentage change in quantity demandaded over the percentage change in price

Dizemos que uma variável é elástica quando responde a pequenas variações. Da mesma forma, uma variável inelástica não responde facilmente a variações externas.

Esta fórmula pode nos levar à representação gráfica para a elasticidade dos preços. Ela representa a inclinação na curva do gráfico de preço x quantidade (demanda):

The graphic of elasticity

A partir deste cálculo, três cenários são possíveis:

  • Se o resultado for igual a 0, temos um cenário perfeitamente inelástico, onde a variação em uma das variáveis não impactará de forma alguma a segunda.
  • Se o resultado estiver entre 0 e 1, dizemos que a condição é relativamente inelástica. Isto significa que os consumidores são de certa forma insensíveis às mudanças de preço. Este tipo de produto é geralmente essencial e não tem opções de substituição ou tem poucas opções de substituição. Ou seja, se uma pessoa consome um medicamento que é obrigatório para sua vida, provavelmente não vai parar de consumi-lo por causa de alguma mudança no mercado.
  • E finalmente, com um resultado superior a 1, temos um cenário relativamente elástico. Ou seja, mercadorias que têm substitutos fáceis. Esse cenário é mais sensível às mudanças de preço. Isto significa que se um produto como o bife tem seu preço aumentado, o consumidor vai procurar alternativas, procurando carnes mais baratas que se ajustem ao seu orçamento.

Quanto maior a pontuação, maior a elasticidade.

Agora que você entende melhor o que é elasticidade. Como ela pode afetar seu negócio?

Existem quatro tipos principais de aplicações de elasticidade em um negócio:

  • A elasticidade do preço da demanda, ou seja, como uma mudança no preço afeta a demanda de seu produto.
  • A elasticidade de renda da demanda, resultado da mudança na renda do consumidor.
  • Uma elasticidade cruzada da demanda considerará a mudança na demanda de um produto em relação à mudança no preço de outro produto.
  • Finalmente, há uma elasticidade decorrente da mudança na quantidade fornecida de um produto a partir da mudança no preço.

Todas essas variações têm impacto sobre as empresas e são relevantes para calcular o preço de um produto. A clareza sobre as elasticidades envolvidas em seu negócio permitirá uma ação mais estratégica, levando em conta, entre outras coisas, o comportamento do consumidor.

Entre em contato com o Supply Brain


    [email protected]

    Belo Horizonte

    Rua Carlos Alves, 88 -101 – São José

    São Paulo

    Cubo Itaú – Alameda Vicente Pinzon, 54 – Vila Olímpia

    pt_BRPortuguese